Arte: a retrospectiva do pintor Grant Wood no Whitney Museum, em NY

Reconhece a imagem que ilustra este post? Aposto que sim! Trata-se da obra American Gothic, que talvez seja um dos quadros mais famosos do mundo. Mas você seria capaz de dizer o nome de seu autor?

Pois saiba que tem muita gente que também não sabe. E essa falha tende a ser corrigida, agora, com a abertura, em 2 de março, da retrospectiva do pintor Grant Wood no Whitney Museum of American Art, em Nova York (site aqui). A mostra Grant Wood: American Gothic and Other Fables ficará em cartaz até 10 de junho.

 

A retrospectiva do pintor Grant Wood no Whitney Museum
A tela American Gothic, do pintor americano Grant Wood: retrospectiva no Whitney Museum, em Nova York

American Gothic retrata um homem e uma mulher de aparência severa diante de uma casa com uma janela de inspiração gótica no segundo andar. A tela foi apresentada, em 1930, pelo artista americano Grant Wood (1891-1942) em uma mostra anual no Instituto de Arte de Chicago, faturando uma medalha de bronze e um prêmio de 300 dólares.

O trabalho foi adquirido pelo Instituto de Arte de Chicago (seu proprietário até hoje) e ganhou fama imediata, com a sua reprodução em diversos jornais e revistas americanos. Críticos disseram que American Gothic era uma sátira da vida reprimida que as pessoas levavam nas pequenas cidades americanas. O próprio Grant Wood, nascido em Iowa, seria uma dessas pessoas.

Mas o artista dizia que o quadro, antes de mais nada, representava a força e a determinação das pessoas do interior — principalmente naquele momento histórico da Grande Depressão Americana.

 

A retrospectiva do pintor Grant Wood no Whitney Museum
A tela Death on the Ridge Road, de 1935, estará na retrospectiva do pintor Grant Wood no Whitney Museum

A retrospectiva do pintor Grant Wood no Whitney Museum reunirá American Gothic com diversos outros trabalhos seus. A intenção é mostrar que ele foi muito mais do que um artista de um quadro só. Por isso, também estarão em exposição murais, ilustrações para livros e objetos decorativos, em um total de 120 itens.

Um desses objetos é um lustre antigo em que, no lugar das lâmpadas, Grant Wood colocou espigas de milho. Telas de inspiração rural, como Death on the Ridge Road e Fazendeiro com Porcos e Milho também farão parte de Grant Wood: American Gothic and Other Fables.

 

A retrospectiva do pintor Grant Wood no Whitney Museum
A obra Corn Cob Chandelier também estará em exposição na retrospectiva do artista Grant Wood, no Whitney Museum

O Whitney Museum of American Art fica no número 99 da Gansevoort Street, no coração do Meatpacking District, coladinho ao início do parque High Line, em Manhattan. Abre todos os dias, com exceção de terça-feira. O ingresso para o museu dá acesso a todas as exposições. Preços: 25 dólares (inteira) e 18 dólares (idosos e estudantes). Menores de 18 anos não pagam.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *