Eataly abre, em Bolonha, um parque temático da gastronomia italiana

Queijaria no Eataly World: valorização dos produtores locais italianos
Queijaria no Eataly World: valorização dos produtores locais italianos

É como se fosse um parque temático — só que o tema é a gastronomia italiana. Será inaugurado amanhã, nos arredores de Bolonha, na Itália, o FICO Eataly World, novo e gigante empreendimento do grupo por trás do mega empório Eataly, que tem lojas em Nova York, Munique, Tóquio e São Paulo, entre várias outras cidades espalhadas pelo mundo.

Mas como assim um parque temático? Sim, o mercado e os restaurantes (45 no total) estarão todos lá, assim como no Eataly. A novidade que o Eataly World traz é a experiência de desvendar o que existe por trás de cada prato servido, por trás de cada produto comercializado.

Uma das padarias do Eataly World, em Bolonha, o parque temático da gastronomia italiana
Uma das padarias do Eataly World, em Bolonha, o parque temático da gastronomia italiana

Instalado em uma propriedade de 80.000 metros quadrados, o empreendimento tem mini fazendas e mini criações de animais. Quer descobrir como o mel é feito, por exemplo? Por 20 euros, em uma experiência de uma hora, você pode visitar colmeias e ser apicultor “por um dia”, aprendendo todo o processo de produção do mel.

Sonha em participar de uma caça às trufas? Pois em um bosque de olmos e carvalhos, você e alguns cães farejadores podem ir, juntos, atrás dessas preciosidades da natureza. Preço: 20 euros (não, não dá para levar as trufas encontradas para casa).

Tem curiosidade para saber como um azeite é feito? Então, visite uma plantação de oliveiras e depois acompanhe todas as etapas da fabricação do produto. Também por 20 euros.

As delícias do Eataly World: são 45 restaurantes com especialidades que vão de trufas a embutidos, de pizzas a frutos do mar...
As delícias do Eataly World: são 45 restaurantes com especialidades que vão de trufas a embutidos, de pizzas a frutos do mar…

Tudo isso e muito mais pode ser agendado pelo site do Eataly World (link aqui), o que garante a diversão quando você chegar lá. Lembre-se de que são esperados cerca de 6 milhões de visitantes por mês no complexo — a entrada é gratuita –, então, é bom não deixar atividades mais específicas para a última hora.

Além das experiências, também há, é claro, as aulas. Dá para aprender a fazer massas, sorvete, iogurte, pizza, frutas cristalizadas…

Animais na mini fazenda do Eataly World: todas as fases de produção podem ser conhecidas
Animais na mini fazenda do Eataly World: todas as fases de produção podem ser conhecidas pelos visitantes

E as compras? Sim, as compras! Quem conhece o Eataly sabe a tentação que é! Tem queijos, azeites, massas, chocolates, vinhos, embutidos — tudo de pequenos produtores italianos certificados.

Dá para circular por dentro do Eataly World com bicicletas (o uso é gratuito) equipadas com cestas e bolsas térmicas para carregar suas compras.

Comprou demais? Pois lá dentro tem uma agência postal especializada em despachar volumes bem acondicionados para o mundo inteiro. E, aí, vai resistir?

A bicicleta que os clientes podem usar gratuitamente para circular pelo Eataly World
A bicicleta com cestos e bolsa térmica que os clientes podem usar gratuitamente para circular pelo Eataly World
A entrada do FICO Eataly World
A entrada do FICO Eataly World, a 20 minutos de carro de Bolonha, na Itália

Fotos: Reproduções do Facebook do Eataly World

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *