A magia das vitrines de Natal de Nova York

As vitrines de Natal de Nova York: a fachada da Saks
O show de luzes da fachada da Saks, em Nova York: a cada dez minutos, entre 17h e 23h, a loja se ilumina ao som de uma música com temática natalina

Fim de ano em Nova York é sinônimo de curtir um friozinho gostoso, fazer compras e… ver as vitrines de Natal das principais lojas de departamento da cidade. Nunca viu? Pois saiba que é um programa quase obrigatório — para nova-iorquinos e turistas, que lotam as calçadas da Quinta Avenida, onde está boa parte dos estabelecimentos. Sim, está no ar a magia das vitrines de Natal de Nova York!

As vitrines de Natal de Nova York: Branca de Neve e os Sete Anões é o tema da Saks

As vitrines de Natal de Nova York: Branca de Neve e os Sete Anões é o tema da Saks

As vitrines de Natal de Nova York: Branca de Neve e os Sete Anões é o tema da Saks
A Saks celebra os 80 anos do filme de animação da Disney Branca de Neve e os Sete Anões: destaque entre as vitrines de Natal de Nova York

Entre meados e fim de novembro, a cidade inteira começa a exibir sua decoração de Natal. O auge da estação é quando as luzes da árvore do Rockefeller Center são acesas pela primeira vez — este ano será no dia 29 de novembro, às 19h (horário local).

A árvore de Natal do Rockefeller Center, um espruce norueguês, tem 24 metros de altura, pesa 10 toneladas e tem 45 mil luzinhas. É tão importante para Nova York que sua inauguração é transmitida ao vivo pela rede de TV local WNBC.

As vitrines de natal de Nova York: Bergdorf Goodman

As vitrines de natal de Nova York: Bergdorf Goodman
A vitrine de Natal da Bergdorf Goodman homenageia instituições nova-iorquinas, como o Museu de História Natural (na foto, no alto, representado por dinossauros cobertos de cristais Swarovski) e a Orquestra Filarmônica da cidade (acima)

Já as lojas revelam sua decoração um pouco mais cedo. Este ano, a Tiffany & Co. deu a largada, no dia 13. Ontem à noite, foi a vez da Saks, bem em frente ao Rockefeller Center, iluminar sua fachada com seu impressionante show de luzes e inaugurar sua vitrine. Hoje, às 18h, com transmissão ao vivo pelo Facebook da loja, é a vez da Bloomingdale’s.

Se quiser ver as oito principais vitrines de Natal de Nova York de uma só vez, sugiro um roteiro — e alguns cuidados. Comece pela Bloomingdale’s, na Avenida Lexington, entre as ruas 59 e 60. De lá, caminhe duas quadras pela Rua 60, na direção do Central Park, até a Avenida Madison. Na esquina com a Rua 61, está a Barneys New York.

As vitrines de Natal de Nova York: Barneys New York

As vitrines de Natal de Nova York: Barneys New York
Na Barneys New York, os artistas Simon e Nikolai Haas criaram terras mágicas, com nomes como Utopia (no alto) e Mushroom Singularity (acima)

Hora, de seguir para a Quinta Avenida. Logo na esquina com a Rua 58, está a Bergdorf Goodman. Depois, sempre na Quinta Avenida, na direção de Downtown, vêm a Tiffany & Co. (esquina com Rua 57), a Henri Bendel (esquina com Rua 56), a Saks Fifth Avenue (entre as ruas 49 e 48) e a Lord & Taylor (entre as ruas 39 e 38).

Por fim, tem a Macy’s. Para alcançá-la, basta andar uma quadra na direção da Sexta Avenida, entre as ruas 35 e 34. Se preferir, é claro, você pode fazer o caminho inverso — começando a ver as vitrines de Natal de Nova York pela Macy’s.

As vitrines de Natal de Nova York: Tiffany & Co.
Na Tiffany & Co., os bonecos de madeira articulados do artista Gene Moore (usados em aulas de desenho) ganharam versão metálica e interagem com as criações da joalheria
As vitrines de Natal de Nova York: Henri Bendel
O colorido das aves e borboletas enfeita as vitrines da loja de departamentos Henri Bendel
As vitrines de Natal de Nova York: Lord & Taylor
O mundo mágico do Natal encanta os visitantes da vitrine da Lord & Taylor, na Quinta Avenida

Seja como for, evite fazer isso nos fins de semana ou muito perto do Natal, pois as calçadas nas proximidades dessas lojas ficam literalmente intransitáveis, tamanha a quantidade de gente.

Outra dica é ir mais tarde, à noite, depois das 20h. Como as vitrines são mais bonitas depois que escurece, muita gente opta por ir após o trabalho, a partir das 17h. Portanto, quanto mais tarde, melhor. O show de luzes da fachada da Saks, por exemplo, vai até 23h — a cada dez minutos, a partir das 17h, as luzes se acendem ao som de uma música natalina.

Tudo isso pode ser visto — de graça — até o início de janeiro. Mas cuidado, porque é até o início do mês mesmo — muitas lojas começam a desmontar suas vitrines já no dia 2.

As vitrines de Natal de Nova York: Macy's

As vitrines de Natal de Nova York: Macy's
Tem urso polar, Papai Noel, ratinhos e muito mais nas vitrines de Natal da Macy’s, cujo tema é O Presente Perfeito Aproxima as Pessoas

 

Fotos: divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *